Please reload

Posts Recentes

Somente a pele interessa ao Dermatologista?

December 7, 2017

1/10
Please reload

Posts Em Destaque

Por quê os bulldogues tem tantos problemas de pele?

November 6, 2017

Atualmente, os bulldogues franceses e ingleses tem frequentado muito os consultórios dermatológicos com queixas diversas: feridas, falhas de pelagem, coceiras, etc. Vamos  entender um pouco do que está acontecendo.

Uma das reclamações é a queda acentuada de pelos e isso já foi explicado em outro post. (veja "dúvidas sobre quedas de pelos" ), porém isso é comum na raça e em cães de pelagem curta, desde que não acompanhem falhas.

São considerados cães seborréicos, ou seja, produzem maior quantidade de sebo na pele do que raças não seborréicas. Esse excesso de sebo acaba favorecendo o supercrescimento de microorganismos, levando ao aparecimento de infecções bacterianas (mais comumente) ou fúngicas. Portanto, as piodermites bacterianas e malassezioses são outras dermatopatias vistas com frequência.

Esse excesso de sebo pode acumular-se nas dobras (face, cauda, interdigital, vulva ou escroto) e causar a inflamação das dobras, que é o intertrigo, bem como dentro das orelhas e promover as otites que recidivam com muita frequência.

A sarna demodécica também acomete muito esses cães e, portanto, qualquer quadro dermatológico neles deve incluir a doença na sua lista de diferenciais. Isso também ocorre porque há uma transmissão genética aos descendentes e são animais altamente reproduzidos na atualidade.

O mesmo ocorre com as alergias. Recebemos muitos bulldogues apresentando sintomas de Dermatite Atópica Canina, as vezes ate num quadro crônico já.

Tendo em vista a variedade de diagnósticos possíveis diante de um bulldogue com sintomas dermatológicos, é imprescindível que ele seja avaliado pelo especialista em Dermatologia/Alergologia a fim de que seja corretamente conduzido o seu tratamento e a manutenção para controle das recidivas.

Seu bulldogue precisa de diagnóstico e tratamento? Agende uma consulta!

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Siga
Procurar por tags